Homem que atirou cachorro por cima de muro é preso

A Delegacia de Polícia de Capão da Canoa prendeu, na manhã desta quinta-feira (07), um homem que jogou um cachorro no meio da rua por cima de um muro, no bairro Santa Luzia. As cenas de maus tratos foram registradas em um vídeo que viralizou nas redes sociais, o qual causou uma grande comoção, mobilizando os policiais.

Os agentes encontraram o animal que estava com um ferimento devido à queda após ser arremessado. Logo após, localizaram o homem de 58 anos que foi levado para realizar exames no posto de saúde e em seguida, para a delegacia de polícia para o registro do flagrante.

Segundo a polícia, o preso era dono de um imóvel e arremessou o cachorro por cima do muro porque não queria que os inquilinos mantivessem o animal de estimação na casa de sua propriedade.

Prisões em flagrante como essa realizada em Capão da Canoa são possíveis desde o final de 2020. No final do mês de setembro, o presidente da República Jair Bolsonaro sancionou o projeto de lei, que foi aprovado anteriormente pelo Congresso Nacional, que aumenta as penas para quem maltratar cães e gatos, que passaram para de dois a cinco anos de reclusão.

Conforme o chefe da investigação da delegacia de Capão da Canoa, o comissário Renato Toscani, o cãozinho foi entregue para uma pessoa apta a cuidá-lo. A equipe da Mega Litoral parabeniza o comissário Renato e toda a equipe da Polícia civil de Capão da Canoa.

Com informações de LTRL